BOAS NOVAS P-NORTE: NASCEU UMA IGREJA!

No início de 1982, por iniciativa da Primeira Igreja Batista do Setor "O", sob a liderança do Pr. Mário Magalhães Cardoso, nascia uma congregação que mudaria a vida de muitas pessoas no Setor P-Norte. Exatamente na QNP 13 conjunto F casa 03, lar do casal Luís e Dalvina, funcionou durante quase seis meses a congregação. Foi nesta ocasião que Luís aceitou Jesus. O casal Nivaldair e Ruth Júlia dirigia os trabalhos da EBD pela manhã e o culto à noite. Mais pessoas foram se unindo a congregação, e ao final dos primeiros seis meses foi possível alugar uma casa na QNP 9 conjunto R casa 17. A congregação foi organizada em igreja no dia 07 de setembro de 1982. Naquele dia foi decidido que a nova igreja se chamaria Igreja Batista Boas Novas. Liderada inicialmente pelo Pr. Mário Magalhães Cardoso, a IBBN aprovou o pedido de exame do irmão Nivaldair Cardoso Ribeiro, que veio a ser o primeiro pastor ordenado pela IBBN. A ordenação ocorreu em 25 de dezembro de 1982. Os membros fundadores da IBBN foram: Ornelina B. Brito, Isaias de S. Borges, Gislene S. Borges, Sulamita T. Brás, Dalvina L. da Costa, Joana A. Perpétua, Nathanael G. Perpétua, Nivaldair C. Ribeiro, Ruth J. do N. Ribeiro, Sílvia L. M. Rocha, Laureci C. Silva, Elizabeth Brás Silva, Maria Soledade G. Souza, José Pereira Mota, José P. M. Filho, Naide A. Mota, Josenaldo P. Mota, Josué A. Mota, Ari de O. Araújo, Derita S. Gomes, Maria do S Nascimento, Amélia V. da Silva, Geralda L. Florêncio, Sueli R. Soares, Miriam B. Lima.

Entre os que se tornaram membros convêm destacar uma família que viria a ser uma grande influência na IBBN: Campêlo, Vilma e filhos, que ingressaram no dia 29 de setembro de 1984. José Carlos Alves Campêlo foi ordenado ao ministério pastoral no dia 07 de setembro de 1985. O crescimento da IBBN levou a igreja a alugar a casa 19 ao lado e posteriormente adquiri-la, aumentando assim o salão principal que já contava com cerca de 120 pessoas entre membros e congregados.

No dia 03 de agosto de 1986 o Pr. José Carlos Alves Campêlo é empossado como pastor da IBBN. A crescente IBBN já estava investindo na organização da congregação na expansão do setor "O", que ocorreu em 07 de setembro de 1986, e já contava com a ajuda de 40 irmãos e do Pr. Jurandir Lessa Dias. Neste mesmo ano foi oficializada a estruturação da IBBN com os seguintes ministérios: Culto; Discipulado; Serviço; Mordomia; Comunhão; Evangelismo.

Em 14 de março de 1987 foi organizada em igreja a congregação na expansão do setor "O" com 27 membros, sendo chamada de Igreja Batista Expansão do Setor "O".

O desejo de servir melhor e a visão missionária do Pr. Campêlo, levou a IBBN a iniciar um ponto de pregação na Guariroba, que veio a se tornar congregação em 06 de setembro de 1987. Além da visão missionária o Pr. Campêlo investiu nos futuros líderes. O primeiro foi o seminarista Adailton, que veio a ser ordenado em 1988. Depois a ordenação do irmão Dr. Moacyr ao ministério pastoral em 1992. O então Pr. Moacyr serviu ao Senhor como pastor adjunto na IBBN, sendo sua contribuição notória para o crescimento da nossa igreja.

Em 1989 foi adquirido o imóvel para a realização dos trabalhos da congregação na Guariroba, que logo passou a ser a Igreja Batista Boas Novas na Guariroba, hoje é chamada de Igreja Batista Conexão. O imóvel foi doado a nova igreja por decisão da IBBN. Posteriormente iniciamos uma congregação na cidade de Santa Maria, na garagem do casal José Barbosa e Nilza. O Pr. Moacyr participou da organização dos trabalhos nesta congregação. A congregação foi organizada em igreja passando a se chamar Igreja Batista do Caminho, sob a liderança do Pr. Ari de Oliveira Araújo.

No dia 07 de setembro de 1996 comemoramos o aniversário da IBBN na área especial, no templo ainda sem acabamento. Foram superados muitos desafios na aquisição da área e na construção. Muitos contribuíram com sacrifício, trabalho, dedicação e fé. Os mutirões se transformavam em um momento de comunhão.

Durante os 33 anos de sua existência, a IBBN teve três pastores principais: Pr. Nivaldair, Pr. Campelo e Pr. Marcelo. Contou também com os pastores auxiliares: Pr. Moacyr, Pr. Belmiro e Pr. Marcelo. O modelo de liderança compartilhada, com delegação de responsabilidades, incentivo ao estudo bíblico e pregação, fez com que na igreja muitos irmãos buscassem um melhor preparo na Faculdade Teológica Batista de Brasília, como por exemplo: Adailton, José Filho, Josenaldo, Gilberto, Marcelo, Ana Cláudia, Ruth, Elizângela, Francisco, Iva, Maria Solange, Relma, Márcia Cristina, Roberto Carlos, Sérgio. Destes, seis já foram ordenados ao pastorado. A IBBN também realizou viagens missionárias em Divinópolis, Unaí, Teresina de Goiás duas vezes, São Gabriel, Paracatu, Campos Belos, Padre Bernardo e ajudou na construção e re-inauguração da igreja em São João da Aliança. Sustentou missionários de missões nacionais e mundiais. Cooperou com a igreja Batista Monte Sinai na congregação em Águas Lindas. Iniciou uma congregação em Samambaia que hoje é uma igreja Batista.

A IBBN começou com um pequeno grupo, numa casa emprestada. Cresceu e já com uma sede própria contava com 26 membros fundadores. Hoje com cerca de 450 membros, a nossa igreja precisa desfrutar do aconchego amoroso da pequena Boas Novas, para isso foram criados os pequenos grupos de comunhão e evangelismo. Atualmente a igreja é organizada em 14 ministérios: Pastoral, da Família, Jovem, da Artes, da Criança, Diaconal, do Serviço, do Discipulado, de Evangelismo, de Intercessão, da Mordomia, da Ação Social, Recepção. Mais ministérios surgirão. Deus tem grandes propósitos para nossa igreja. Os desafios estão diante de nós e precisamos aceitá-los.

 

Estes são os nossos desafios:

 

 

Sempre conduzir a IBBN a uma verdadeira ADORAÇÃO A DEUS.

 

 

Promover a maior COMUNHÃO NA FAMÍLIA DE DEUS.

 

 

Desenvolver um DISCIPULADO TRANSFORMADOR.

 

 

INTEGRAR TODO SERVO EM UM MINISTÉRIO.

 

 

 
M

Missão

Glorificar a Deus anunciando as Boas Novas a todas as pessoas, valorizando a família, a comunidade local, agregando valores por meio da vivência dos propósitos bíblicos.

V

Visão

Ser uma Igreja bíblica, contemporânea e acolhedora, formada por pessoas que amam a Deus acima de tudo e ao próximo com a si mesmo.

V

Valores

  1. Devoção total a Deus;
  2. Prática dos dons espirituais como ensina a Bíblia;
  3. Ensino bíblico contextualizado;

    Pessoas são alvos do amor de Deus.

  4. Família um projeto de Deus;

    Toda a igreja envolvida em um pequeno grupo;

  5. Busca da excelência e perfeição nos propósitos bíblicos.